segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Sacramento

SACRAMENTO DO BATISMO
O primeiro sacramento pelo qual Deus nos chama a participar da Igreja como seus filhos, unidos à vida de Cristo. Celebrando o Batismo, a pessoa se compromete a ser fiel a Deus Pai, Filho e Espírito Santo, na Igreja.
Deve ser celebrado conforme o rito próprio depois da preparação de pais e padrinhos e catequese bem cuidada para os adultos, conforme a organização da paróquia. Em caso de necessidade, porém, qualquer pessoa pode e deve batizar, despejando água sobre a cabeça de quem está sendo batizado, pronunciando o seu nome enquanto diz: Fulano, “eu te batizo em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo”.
O batizado de cada pessoa é uma festa para a comunidade e a sua celebração deve ser bem preparada: leituras e cantos próprios, círio aceso, água limpa na jarra, bacia, toalhas e velas para cada batizando, óleo para unção, registro no livro da paróquia com os dados da pessoa, dos pais e padrinhos.
A pessoa só se batiza uma única vez.

Leituras bíblicas: Mt 3,13-17 Mt 28,29 Mc16,16 Mc1,4-8

O Batismo é o primeiro e o mais importante dos Sacramentos.
O Batismo, assim como todos os outros Sacramentos, foi deixado por nosso Senhor Jesus Cristo.
Certa vez, Jesus disse aos seus apóstolos: “Ide por todo o mundo, pregai o Evangelho e batizai. Quem crer e for batizado será salvo”.
Pelo Batismo, a semente da Fé e da Salvação é plantada em nosso coração.
O Batismo nos faz filhos de Deus.
Em primeiro lugar, o Batismo nos faz herdeiros do céu. Jesus é o Filho de Deus que se fez homem. Pela sua paixão, morte e ressurreição, ele nos salvou, fazendo de nós filhos de seu Pai eterno. Abriu as portas do céu a todos os homens de boa vontade. Deu-nos o direito de participar da salvação, já neste mundo, e depois eternamente no paraíso. Jesus é nosso irmão mais velho. O Batismo nos dá direito de participarmos da filiação divina e da fraternidade de Jesus. Somos Filhos de Deus pela graça do Batismo que recebemos.
O Batismo nos faz membros da Igreja.
Sendo Filhos de Deus, entramos na família em que Deus é o Pai e nós todos somos irmãos. A família de Deus, como já sabemos, chama-se Igreja. Igreja é o nome da grande família de Deus, espalhada pelo mundo inteiro. O Batismo, pois, nos dá o direito de fazermos parte da Igreja. Nós, que somos batizados, devemos amar e servir a Igreja, esta grande família da qual somos membros.
O Batismo nos dá o Espírito Santo.
No Batismo, pela primeira vez, recebemos o Espírito Santo em nós. Quando Jesus foi batizado por São João Batista no rio Jordão, o Espírito Santo desceu sobre Ele. Assim também o Espírito Santo vem habitar no coração daquele que é batizado. Somos templos em que Deus habita. Todo o bem que fazemos a alguém é a Deus que estamos fazendo, porque o Espírito Santo nele habita. Todo o mal que causamos a alguém é a Deus que estamos causando, porque Jesus disse: “Tudo o que fizestes ao menor dos meus irmãos, foi a mim que tereis feito”. Por isso é que devemos nos respeitar e amar uns aos outros como irmãos, pois Deus habita em nosso coração.
O Batismo nos faz cristãos.
É pelo Batismo que nos tornamos cristãos. Desde o momento do Batismo, a pessoa pode ser chamada de cristão. Para ser verdadeiro cristão não basta apenas receber o Batismo. É necessário ter fé. Uma fé viva e verdadeira, não uma fé fraca e vazia que muitos têm. A fé e dom de Deus. Deus dá a Fé, a quem a pede. Todos os dias devemos rezar: “ Eu creio, Senhor, mas aumentai a minha fé”. Para ser um bom cristão, além de ser batizado e de ter fé, é necessário também praticar a fé, isto é, praticar a religião. De que adianta o cristão ser batizado, dizer que tem fé, se não pratica a sua religião? Nós devemos praticar a religião, como a Igreja nos ensina.
Portanto, para ser um bom cristão, são necessárias três coisas:
- Ser batizado
- Ter fé na Palavra de Deus
- Praticar a Religião.
O Batismo apaga em nós a mancha do pecado original
(Pecado original é a tendência natural que nasce com o homem, para romper com Deus. É uma inclinação natural para praticar o mal, e assim contrariar a finalidade para a qual foi criado).
Todos nós nascemos com o pecado original. Com a vinda do Espírito Santo no Batismo, ficamos limpos da mancha do pecado. A água, que é derramada sobre nossa cabeça, é símbolo da purificação interior à qual somos submetidos pelo Batismo.
Vemos como é importante o Sacramento do Batismo. Por ele morremos para o pecado e renascemos para a vida de Jesus. Por isso diz-se que o Batismo é um renascimento, é um nascer de novo, crescer para o bem e morrer para o pecado.
São Paulo nos ensina que pelo Batismo fomos sepultados em Cristo, para com ele poder renascer. Pelo Batismo nascemos para a vida nova. Aquela vida que Jesus prometeu a Nicodemos. Vida que se inicia neste mundo e continua pela eternidade sem fim.

Os símbolos principais do Batismo são:
A água: Simboliza a vida, a limpeza do pecado.
A vela: Simboliza o Cristo (Luz do mundo). O batizando é chamado a ser luz do mundo.
A veste branca: Significa a pureza, renascimento de uma vida nova em Cristo.





Oração
Senhor, pelo Sacramento do Batismo nos fazeis participantes de vossa Igreja. Fazei-nos fiéis ao Batismo que recebemos e ensinai-nos a viver e dar testemunho da fé, que por ele foi plantada em nossa vida. Assim seja. Amém

Fonte!vihttp://wwwcatequese-ivani.blogspot.com

2 comentários:

  1. OLÁ IRMÃ SOLANGE, VIM RETRIBUIR SUA VISITA E SUAS CARINHOSAS PALAVRAS.AMEI SEU CANTINHO E VIREI AQUI SEMPRE.ABRAÇOS CARINHOSOS E FRATERNOS, CRIS-JARDIM DA FÉ

    ResponderExcluir
  2. Olá, irmã Solange! Vim agradecer a sua doce presença em meu cantinho e conhecer seu blog. Gostei muito de tudo por aqui! Um espaço abençoado, com postagens edificantes que evangelizam com amor.
    Que Deus a abençoe sempre!
    Com carinho,
    Angela

    nospassosdejesusamor.blogspot.com

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...