segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Novena de Madre Clélia

APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS


NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor

1º Dia: MADRE CLÉLIA, MODELO DE SANTIDADE



Símbolo: Uma escada, e ao lado uma imagem de um santo protetor

INTRODUÇÃO: Para Madre Clélia, que seria a santidade? Para ela santidade é Dom, é uma vocação à qual Deus chama e, convicta desse privilégio que Deus concede à alma, exorta as Irmãs a percorrerem rapidamente o caminho da santidade, uma vez que, como Apóstolas, devem a Deus uma correspondência de amor sem reservas. Para que se possa conseguir um progresso e realizar o trabalho de nossa santificação, é necessário que se tenha uma grande “estima da própria alma”, que é habitação e templo de Deus.  Os Santos são os modelos na conquista da perfeição e da santidade, pois souberam combater com todo o esforço e ardor de que eram capazes e conseguiram a coroa da vitória. Para dar início à nossa reflexão, invoquemos a presença do Espírito Santo cantando.

CANTO: nº 564 Louvemos ao Senhor

DIRIGENTE: O único sujeito e fonte de santidade é Deus, pois só Ele é santo. O homem se santifica pelo próprio Deus através da união com Ele ou mediante a participação na união entre Cristo e o Pai.
Madre Clélia começa o caminho de união total com Deus compreendendo bem que não se pode dividir o coração em duas partes e que Deus quer tudo. Afirma fortemente que reter alguma coisa para nós é injustiça e fraude. E se lamenta que de numa fase de fervor espiritual damos tudo ao Senhor e, depois, pouco a pouco retomamos o que foi dado: Deus quer tudo e nós não podemos guardar nada para satisfazer a avareza, nosso amor próprio, nossa vontade, nosso caráter.

LEITOR 1 : 1Pd.1,13-16 - (Reflexão e partilha)

CANTO: n.º 1038 – Louvemos ao Senhor

VOZ 1:Como resposta mais adequada a Deus que santifica ,é exigida a santidade do homem como condição para entrar em relacionamento com Deus. O homem tem  a possibilidade e o dever de responder à graça que o santifica, isto é, libertar-se de si mesmo para plenificar-se do Espírito do Senhor e manter-se puro do pecado para ser, de fato, digno de Deus.

LEITOR 2: Meditemos com Madre Clélia sobre o seu desejo profundo de ser Santa. ( Caderno de Orações, pg. 19- “Quero ser Santa”).

CANTO: nº 1009 – Louvemos ao Senhor

VOZ 2 : Madre Clélia diz: O Coração de Jesus quer que sejamos santas e nos dá as graças necessárias para isso. Atira-te, resolutamente, nos braços amorosos de Jesus e com Ele darás passos gigantescos no caminho da Santidade.
Ela nos convida a viver santamente, pois “Santo é Aquele que devemos seguir”.

VOZ 3: Sabemos que sem dor não se vive no amor, e é também verdadeiro que sem amor não se vive e “com o amor de Deus se é sempre feliz”, porém, “sob a árvore da cruz”, “no sacrifício e na virtude”.

VOZ 4: Jesus declara no seu Evangelho que aquele que, na vida presente, se priva de alguma coisa por seu amor, receberá o cêntuplo do que sacrificou. Este cêntuplo é a santidade, fruto do desapego das coisas terrenas; ou antes, é Jesus Cristo que se recebe como recompensa. 

ORAÇÃO À SANTÍSSIMA TRINDADE

CANTO FINAL: nº 1.000 – Louvemos ao Senhor



APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS


NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor


2º DIA:  MADRE CLÉLIA, APÓSTOLA DA REPARAÇÃO

Símbolos: uma faixa com os nomes dos Apóstolos, uma faixa pregada em um barco com o nome de Madre Clélia

CANTO: CD “De Deus, um Cantador” – nº 3

INTRODUÇÃO:  A reparação é um valor complexo. O caminho da reparação, portanto, prossegue inteiro no amor. A reparação é exigida pelo amor de Deus porque é uma resposta à oblatividade do seu amor gratuito, expresso na vida de Cristo Jesus, morto e ressuscitado; no Cristo Eucarístico, no dom do Espírito, a reparação se requer pela exigência de vida e de crescimento nosso e de nossos irmãos; da necessidade de acolher o dom da vida humana e divina, de modo sempre mais completo e rico.

VOZ 1: Recebendo de Jesus o convite para ser “Apóstola de seu amor”, concebeu em seu ser o verdadeiro espírito de seu Instituto: “ser Apóstola do Amor”, a exemplo dos Apóstolos. A “reparação” apresentada por Madre Clélia é revestida do caráter de zelo apostólico. O zelo pela glória de Deus, para torná-lo conhecido e amado, deve impulsionar a Apóstola a viver em contínuo espírito de reparação.

VOZ 2: Ser Apóstola significa estar a serviço do Coração de Jesus, isto é, estar entregue à causa de Cristo, trabalhando, orando, sacrificando-se, reparando, expiando e imolando-se.

CANTO: No coração de Cristo congregados

DIRIGENTE: Na vida religiosa de todos os povos está vivamente presente a idéia de reparação, por meio de orações e sacrifícios para aplacar a divindade ofendida pelos pecados do homem. Amparada por um seguro sentido teológico da reparação, Clélia afirma que na condição de pecadores cabe a todos nós o dever de fazer penitência; as culpas, ainda que perdoadas, deixam na alma “uma dívida a pagar”.

TODAS: Clélia faz de sua vida uma reparação contínua e exorta as filhas a transformarem todos os sofrimentos num “ato de fervorosa reparação” pelos ultrajes que o Coração de Jesus recebe com os pecados da humanidade.

CANTO: 158- É Clélia. Livro: Cantai ao Senhor

LEITOR: 1 Jo.1,7-21

PALAVRAS DA MADRE Nº 288 - REFLEXÃO

VOZ 3: O Dom do Espírito Santo é em nós a reparação mais perfeita, e é acolhida quando realizamos os frutos do Espírito para com os irmãos, sendo criaturas de caridade, de paz, de alegria, de paciência, de benevolência, de bondade, de fidelidade, de mansidão, de domínio de si.

VOZ 4: Esta é a reparação perfeita para nós criaturas humanas: “se vivemos no Espírito, caminhemos segundo o Espírito.”

ORAÇÃO À SANTÍSSIMA TRINDADE
CANTO: Apóstola da Esperança


APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS


NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor

3º Dia:  MADRE CLÉLIA E A ORAÇÃO

Símbolo: Quadro de Jesus Orante e uma lamparina acesa.

INTRODUÇÃO: Na vida de Madre Clélia, a oração sempre ocupou o primeiro lugar. Partindo de sua própria experiência de oração, define-a com segurança e sabedoria, exprimindo e deixando transparecer como esta vem concebida em sua vida pessoal: “ A oração... é uma elevação da nossa mente e do nosso coração ao céu; é uma conversação íntima com Deus, é a união da alma com o sumo bem; é a ocupação dos anjos no céu, permitida aos homens sobre a terra, é a vida do céu iniciada aqui.Com a oração nos elevamos sobre tudo aquilo que passa e o deixamos sob nossos pés, com ela, compreendemos que só Deus é tudo, nos abandonamos a Ele, derramamos nosso coração no seu, para não amar e servir senão a Ele, para não viver senão por Ele”.

CANTO: n.º 1036 do livro  “Louvemos ao Senhor”.

DIRIGENTE: Madre Clélia, em sua experiência profunda, nos faz perceber que: não se encontra Jesus entre as doçuras naturais...mas na igreja, nos exercícios de piedade, sobre o monte da oração. “Antes de apresentar-te diante de Deus para a oração, deves compenetrar-te bem de sua adorável presença...deves implorar a assistência do Espírito Santo, porque, sem Ele, nada podemos conceber, nem mesmo um bom pensamento. Somente a oração poderá formar e manter em nós o Espírito de humildade, de mortificação, de caridade, de doçura, de todas as virtudes necessárias à salvação eterna”.

VOZ 1: Com sua vida de oração, a Apóstola presta a Deus, antes de tudo, a devida homenagem de louvor, amor e gratidão. Além disso, lembre-se de que tudo é prometido à oração: pedi e vos será dado.

LEITOR 1: Mt. 6, 9-15

PALAVRAS DA MADRE: 245

CANTO: Lava-me – CD Coração de Jesus Fonte da Vida

VOZ 2: Podes manter a vida do corpo sem alimento? Não poderás também manter a vida da alma em oração. A oração é um dos principais meios pelos quais obterás o auxilio divino para seres um outro eu.

VOZ 3: A Apóstola é chamada a testemunhar Cristo, em primeiro lugar, pela oração e depois pela ação. Trabalha seriamente mas reza com mais seriedade ainda. Jamais deixes passar o dia sem rezar, vocal ou mentalmente.

CANTO: Quando eu quero falar com Deus. (CD “Trinta Grandes Sucessos”, Roberto Carlos).

VOZ 4: Se continuas fielmente a orar, tua oração se tornará simples, confiante e abandonada.
“Prometi ensinar-te a orar sem cessar. E isso consiste em dirigir simplesmente todos os teus pensamentos, palavras e ações a mim, unindo tudo à minha vontade.”

DIRIGENTE: A docilidade se une estreitamente à escuta daquele que fala em silêncio, mediante o seu Espírito. A escuta é a disposição fundamental para acolher e traduzir em vida o amor do Sagrado Coração. Na escuta, a conversa de amor se torna direta, pessoal, íntima, única e irrepetível.

ORAÇÃO À SANTISSIMA TRINDADE

CANTO: O Poder da oração. (CD “REENCONTRO”- ADRIANA)


APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS




NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor

4º Dia: MADRE CLÉLIA ADORADORA DA SANTÍSSIMA EUCARISTIA

Símbolo: Pão e vinho

CANTO: Vinde Espírito Santo (Louvemos)

ANIMADOR: Madre Clélia passava longas horas em Adoração diante do Sacramento do amor. Sua vida era de sacrifício e de oração tinha como fonte principal o Coração de Cristo. Contemplava a infinita grandeza de Deus, a onipotência insuperável do Criador, santidade infinita e sua Gloriosa Majestade, fazendo com que ela percebesse sua pequenez e condição de criatura e ajudando-a perceber sua própria miséria e o abismo que a separava do seu criador. Mostrando-nos assim que a Adoração é a suprema dedicação e amor que nos une para sempre a Jesus.

LEITOR 1: Madre Clélia afirma que somos o Sacrário onde Ele habita e a Eucaristia deve torna-se o pólo de atração do nosso dia-a-dia. Como fundadora tem a convicção de que se consagrarmos todo tempo disponível à oração diante de Jesus Sacramentado, seremos recompensados com inúmeras Luzes e conforto para o nosso coração.

LEITOR 2: A devoção à Paixão funde-se com a Eucaristia, porque a Paixão é o sinal do Amor de Jesus, enquanto a Eucaristia é o Milagre do Amor. Madre Clélia nos anima a irmos aos pés de Jesus Eucarístico, pois uma comunhão bem feita produz muitos frutos, é um remédio eficaz para as fraquezas e enfermidades.

TEXTO BÍBLICO ( Jo 6,28-35 )

LEITOR 3: Orações de Madre Clélia- Pg 43

ANIMADOR: Para fazer esta descoberta não existem outras possibilidades, porque somente a Eucaristia nos ensina a descobrirmos comunhão e nos leva a fazer a experiência. Por isso, uma comunidade é viva na medida em que come e se alimenta, é viva espiritualmente, é rica de comunhão na proporção em que participa com alegria e com fé, da mesa Eucarística. O Papa João Paulo II nos diz na Carta Encíclica “Ecclesia de Eucharistia”:

TODAS: “A Eucaristia, presença salvífica de Jesus na comunidade dos fiéis e seu alimento espiritual, é o que de mais precioso pode ter a Igreja no seu caminho ao longo da história... A Igreja recebeu a Eucaristia de Cristo seu Senhor, não como Dom, embora precioso, entre muitos outros, mas como Dom por excelência, porque d’Ele mesmo, da sua Pessoa na humanidade sagrada, e também da sua obra de salvação”.

ORAÇÃO À SANTÍSSIMA TRINDADE

CANTO

APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS




NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor


5º Dia : MADRE CLÉLIA E A GRAÇA DA VOCAÇÃO


ANIMADOR: Toda vocação tem uma história inicial, um princípio de manifestação. Pois aquele que chama usa várias formas de comunicar-se com o coração humano. E assim foi também para Clélia Merloni.
Em sua vida, a influência da avó e da madrasta, Joana Boeri, foram de grande importância e significado. Através disso Madre Clélia aprendeu em que consistem os sofrimentos e o que se deve fazer para aceitá-los e suportá-los com paz e serenidade das mãos de Deus.

CANTO

LEITOR 1: Para Clélia, a descoberta vocacional começou no desejo de lutar pela conversão do pai. No seu interior nasce uma chama indefinível e misteriosa, um ideal, um chamado. Atenta a essa luz que surge em seu ser, decide entregar-se totalmente a Deus.

LEITOR 2: Na caminhada vocacional de Clélia não havia apenas flores. Os espinhos eram uma constante em sua vida. O primeiro obstáculo a enfrentar foi o seu próprio pai. Aquele que foi o motivo de sua decisão, sem jamais o ter percebido. Com tudo o que aconteceu em sua vida, Madre Clélia nos dá o exemplo da perseverança e exorta suas filhas a não desanimar diante do sofrimento.

LEITOR 3: LIVRO VOLUME 4 (CARTA 17), pg. 44

LEITOR 1: Madre Clélia é um grande exemplo de vocação, pois correspondeu ao seu chamado. E por amor a Jesus, sofreu muito e deixou para cada uma de nós o seu testemunho, verdadeiro modelo de vocação e seguimento de Jesus.

REFLEXÃO: (JER 1,4-9)

ANIMADOR: Animadas pelo exemplo de Madre Clélia, de fidelidade à escuta e ao seguimento de Cristo, em meio a alegrias e dores, possamos também nós levar a chama do amor a todos os ângulos da terra. Através da graça da vocação que o Pai nos dá, Testemunharmos com alegria e coragem o seguimento a Jesus.

CANTO:

ORAÇÃO À SATÍSSIMA TRINDADE


APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS




NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor



6º Dia: MADRE CLÉLIA E O EXEMPLO DOS SANTOS


ANIMADOR: Madre Clélia nos diz que os santos são modelo de perfeição, conquista e santidade, souberam combater com todo esforço e  ardor suas fraquezas para alcançar a coroa da vitória
“Portanto, sede perfeitos, assim como vosso Pai Celeste é Perfeito.” (Mt5, 48)

LEITOR 1: Como cristãos somos todos santos porque com o batismo renascemos para uma vida nova. A graça divina age em nossa vida transformando- nos e nos colocando à caminho da perfeição.
Em uma de suas cartas, Madre Clélia nos encoraja a seguir  o caminho dos Santos entregando- se ao esposo Jesus com obediência, doando o próprio coração.

LEITOR 2: Volume 8 carta 6 página 23

CANTO: Louvemos Sede Santos

ANIMADOR: Através de Jesus Cristo somos todos chamados à santidade. Nesse momento ouviremos o que a palavra de Deus tem a nos falar.

LEITOR 3: ( Rom1, 1-7) - Reflexão e partilha

ANIMADOR: Nas palavras da Madre somos convocadas a responder esse chamado à santidade porque santo é aquele que devemos seguir, pois como ninguém viveu o santo Evangelho seguindo o exemplo de Cristo.

LEITOR 4: Palavras da Madre  (86 página 23)

LADO 1: As pessoas consagradas são chamadas pelo Espírito a uma constante conversão, para dar uma nova força à dimensão profética de sua vocação.

LADO 2: “São chamadas a colocar a própria existência a serviço da causa do Reino de Deus, deixando tudo e imitando mais de perto a forma de vida de Jesus Cristo, assumem um papel, eminentemente pedagógico para todo o povo de Deus”.

TODAS: “...Sim minhas filhas, Jesus não abandona jamais quem nEle confia”.

ORAÇÃO À SANTÍSSIMA TRINDADE

CANTO FINAL:


APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS



NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor


7º Dia: MADRE CLÉLIA COM MARIA AOS PÉS DA CRUZ

Símbolo: Imagem de Maria e Crucifixo

INTRODUÇÃO: “A fim de que a devoção ao Coração augustíssimo de Jesus produzas frutos mais copiosos na família cristã e mesmo em toda humanidade, procurem os fiéis unir a ela, estreitamente, a devoção ao Coração Imaculado da Mãe de Deus. Foi vontade de Deus que, na obra da redenção humana, a Santíssima Virgem Maria estivesse inseparavelmente unida a Jesus Cristo; tanto que a nossa salvação é fruto da caridade de Jesus Cristo e de seus padecimentos, aos quais foram intimamente associados o amor e as dores de sua mãe.” (Encíclica Haurietes Aquas – Pio XII). E Madre Clélia quer identificar-se com Maria, quer ser um prolongamento da ternura materna de Maria hoje, na história.

CANTO : Primeira Cristã  - Louvemos nº 1132

VOZ 1: À medida em que Madre Clélia se doa ao Sagrado Coração com todas as forças de seu ser e com todo amor, o amante apaixonado a aproxima sempre mais do Calvário para fazê-la viver a paixão.

DIRIGENTE: A virgem santa, entregando-se totalmente a Deus, perseverou sempre na imolação de todo o seu ser ao Senhor e não viveu senão por ele. Ela estende ao máximo o seu serviço até o dom total de si mesma, no Calvário, em profunda e misteriosa comunhão com seu Filho crucificado. Lá ela “se associa maternalmente ao seu sacrifício, consentido amorosamente na imolação da vítima que havia gerado”. (Carta Encíclica Lumen Gentiun, 58)

LEITOR 1:     Jo 19, 25-27

VOZ 2: Portanto se durante toda a vida pública, Jesus revelou o Pai, na última hora revela a Mãe. No cimo do Calvário, Maria torna-se mãe do discípulo e de todos os discípulos que virão depois dele, no decorrer da história; Mãe da Igreja e de cada membro da Igreja; Mãe realmente.

TEMPO PARA REFLEXÃO

CANTO: Eis aí tua mãe – CD Vida Reluz (Deus Imenso) . Faixa 4 

VOZ 3: Mas quem é Maria para Madre Clélia? É muito fácil a resposta: Maria é modelo perfeito, acabado, modelo que se pode propor a toda consagrada.

LEITOR 2: Palavras da Madre Nº5

CANTO: Por Jesus deixaste a glória (Ir. Ofélia de Carvalho)

DIRIGENTE: Na vida de Madre Clélia percebe-se a indispensável presença de Nossa Senhora, para se chegar mais facilmente ao Sagrado Coração. Para poder agradar a Ele cada vez mais, é preciso pedir a ajuda de Maria. Que Nossa Senhora ajude a cada uma de nós a nos aproximarmos do Coração Sagrado de Jesus.

TODAS: - Oração à Maria Santíssima – Pág.65 (Escritos de     Madre Clélia)
                   - Oração da Novena (pág. 140)

CANTO FINAL: Vem Maria, vem – Louvemos nº 413


APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS



NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor


8º Dia: MADRE CLÉLIA, EXEMPLO DE ABANDONO À DIVINA PROVIDÊNCIA

Símbolo: Imagem do Coração de Jesus, crucifixo ou imagem de criança apoiada numa mão.

VOZ 1:  O abandono em Deus significa deixar Deus agir. A Ele cabe conduzir a alma: “O abandono à Divina Providência é o mais belo ato de virtude que uma alma pode praticar, porque a santidade não consiste senão na união da nossa vontade com a de Deus”.

CANTO : Abandono  -  CD Flavinho (Alegra-te) / Faixa 7

INTRODUÇÃO: A experiência dos sofrimentos vivenciados por Madre Clélia conduziram-na a um total abandono e a uma confiança ilimitada em Deus. É com base em sua própria experiência e enraizada no preceito evangélico que forma suas filhas, orientando-as no caminho do perfeito abandono em Deus.

DIRIGENTE: Como se sua palavras e ações não bastassem para convencer as filhas, Madre Clélia cita o exemplo da própria vida, da própria experiência assumida e vivida. Indica o que deve ser feito e expressa seu único desejo: que “progridam cada  dia mais no caminho da perfeição”, e as convida a abandonar-se totalmente à Divina Providência.

CANTO: Buscai Primeiro – Louvemos 137

LEITOR 1:     Mt 6, 25-34

MOMENTO DE REFLEXÃO

LEITOR  2:  Palavras da Madre nº 26

VOZ 2: Madre Clélia, ciente de que o abandono à vontade de Deus conduz a alma a uma perfeita conformidade aos desígnios da sua Divina Providência, orienta suas filhas a agirem, sempre e em tudo, de acordo com a vontade de Deus, pois este é o passo mais seguro no caminho da santidade.

LEITOR  3:  Carta da Madre nº 29 – Pág. 66 (Coleção Um Coração que ama nº 5)

DIRIGENTE: Reconhecendo as dificuldades apresentadas por suas filhas, Madre Clélia nos ensina como rezar colocando-se totalmente nas mãos de Deus. A felicidade, mesmo em meio às cruzes, é fruto de um abandono filial, amoroso e contínuo à vontade de Deus. Jesus na cruz é exemplo deste abandono e apresentando-o às suas filhas, convida-nos a dispormos nossas almas à ação Divina.

TODAS:  - Oração à Santissima Trindade

CANTO FINAL: Mãe da Providência – Louvemos nº 890


APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS



NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor

9º Dia: MADRE CLÉLIA: APÓSTOLA OBEDIENTE E CHEIA DE CONFIANÇA NO CORAÇÃO DE JESUS

Símbolo: Imagem do Coração de Jesus e Crucifixo

INTRODUÇÃO:  Nas orientações de Madre Clélia, a observância e a prática da virtude da obediência consiste na oferta da própria liberdade ao Coração de Jesus, isto é, a mente, “O Coração e a vontade”. Ser obediente implica ser humilde. Pala ela, obediência compara-se a uma “grande luz que torna boas e aceitas até as mínimas ações”.

CANTO : É ela, é Clélia  (Clélia Pagani)

VOZ 1: Na vida de obediência, a apóstola deve olhar para o Divino modelo, e “obedecer” como ele “obedeceu”, uma obediência sem restrições, fazendo em tudo a vontade do Pai. Assim deve ser a obediência da verdadeira religiosa: “Não ter outras intenções se não a de seus superiores”.

DIRIGENTE: “A obediência de Cristo ao Pai, testemunha que não há contradição entre obediência e liberdade. Com efeito o comportamento do Filho desvenda o mistério da liberdade humana, como um caminho de obediência à vontade do Pai, e o mistério da obediência, como um caminho de progressiva conquista da verdadeira liberdade.” (Documento sobre a Vida Consagrada e sua missão na Igreja e no mundo – pág.137)

TODOS:     Fl  2, 6-11 (Cantado)

VOZ 2: Madre Clélia deixa um conselho às suas filhas, como um presente, isto é, a “obediência”, que deve ser “contínua, cega e pronta”. Para ela, esta é uma virtude evidenciada como coroamento de uma vida de “humildade, caridade, desprendimento, pobreza e toda as outras virtudes”.

LEITOR 1: Palavras da Madre nº111

MOMENTO DE REFLEXÃO

CANTO: Cumpra-se, Senhor – CD Kelly Patrícia (Melhores Momentos) / Faixa 5 

VOZ 3: “Sua vontade não pode ser outra senão a vontade de Deus; ame  o que Ele ama; cumpra sempre o que Ele ordena; despreze o que Ele proíbe e aceite com alegria o que Ele permite. Deus só!”, é o que nos ensina Madre Clélia em uma de suas cartas.

DIRIGENTE: Jesus ensina a segui-lo e este seguimento consiste em fazer a sua “santa vontade, em tudo e por tudo, por meio da obediência.”  Esta é a cruz que toda religiosa deve levar.

TODAS:  - Oração da Novena (pág. 140)

CANTO FINAL: Quero viver Deus só!

APÓSTOLAS DO SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS



NOVENA DE MADRE CLÉLIA


Tema: Madre Clélia parte do Coração de Jesus para testemunhar o Amor


JESUS CRISTO, MODELO DA APÓSTOLA



CANTO: E fiorirá ou hino do Instituto

DIRIGENTE: Madre Clélia ensina-nos a amar a Deus, a modelar-se em Jesus Cristo, a seguir o exemplo da Virgem e dos santos.

LEITOR 1: “Tu não poderás dar a Jesus mais certo testemunho do teu amor e do teu afeto do que tornando-te semelhante a Ele, já que não imitamos senão aqueles que amamos, justamente porque o amor transforma o amante na pessoa amada...

LEITOR 2: Que honra grande para ti ser amada por Deus, viver como seu Divino Filho, falar..., operar e padecer como Ele...”

CANTO:

DIRIGENTE: Mais do que conselhos, Madre Clélia deixou para as suas filhas o exemplo de uma vida de total imolação, o que podemos perceber através de seus escritos, de trechos extraídos de seu diário.

LEITOR 3: “A vida religiosa – escreve, por exemplo – é uma vida de sacrifícios. No momento em que eu espontaneamente... me consagro ao... divino Coração, é natural que não ambicione outra coisa que a de ser humilhada, desprezada, caluniada, esquecida por todos não compadecida por ninguém”.

REFLEXÃO

CANTO: Deixa-te modelar...

LEITOR 4: Madre Clélia nos mostra com seu testemunho como se chega a Jesus por Maria.

TODAS: “Recorre à tua querida mãe, Maria; dize-lhe que queres amar a Jesus, e queres amá-lo muito; pede-lhe que te empreste seu materno coração, a fim de que, com ele, tu possas amar a Jesus sinceramente.”

DIRIGENTE: Elevemos a Deus nossos louvores e pedidos... (Preces)

PAI-NOSSO...

TODAS: “Sede, pois imitadores de Deus, como filhos muito amados. Progredi na caridade, segundo o exemplo de Cristo, que nos amou e por nós se entregou a Deus como oferenda e sacrifício de agradável odor” (Ef.5,1-2)

ORAÇÃO À SANTÍSSIMA TRINDADE

CANTO FINAL:

Um comentário:

  1. onde encontro o livro com as eflexão da madre para óder fazer a novena?

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...