sábado, 22 de dezembro de 2012

Homilia dominical - 23 de Dezembro de 2012

Uma Mulher

A Liturgia do advento nos apresenta várias pessoas
que prepararam o povo para a vinda do Messias:
Jeremias, Baruc, Sofonias, Miquéias, João Batista...
Hoje aparece a figura privilegiada de uma MULHER
que trouxe ao mundo o próprio Salvador.
Quem aguarda o Salvador não pode esquecer a sua mãe.

As Leituras bíblicas nos fazem sentir o clima do Natal.
Deus escolhe instrumentos humildes para realizar suas obras.

Na 1a leitura, o profeta Miquéias fala do ambiente humilde
onde irá nascer o Messias. (Mq 5,1-4a)

Ele não nascerá numa cidade grande e importante, como Jerusalém,
mas num pequeno povoado desconhecido, Belém.
Ele não sairá de uma família rica e poderosa,
mas de uma família pobre e humilde, e agirá como um simples pastor.
O Deus grande e poderoso torna-se presente na pequena Belém, na pequena Maria, porque Deus escolhe o caminho da pequenez, da humildade, do serviço.
É o estilo de Deus.

A 2ª Leitura afirma que Cristo se ofereceu ao Pai para cumprir a sua vontade:
o valor da nossa existência, das nossas orações, dos nossos trabalhos
se encontra no cumprir esta vontade. (Hb 10,5-10)

O Evangelho narra o encontro de duas Mães,
que vibram de alegria com a realização das Promessas. (Lc 1,39-45)

- Após a Anunciação, em que deu o seu "SIM" a Deus,
 "Maria se põe a caminho... e vai às pressas à casa de Isabel".
  Maria nos ensina o melhor jeito de acolher:
  estar atento às necessidades dos irmãos, partir ao seu encontro,
  partilhar com eles a nossa amizade e ser solidário com as suas necessidades.

- "Logo que entrou, saudou Isabel" : "Shallon".
   Shallon sintetizava o conjunto dos bens prometidos por Deus ao Povo...
   Maria era mensageira dessa "PAZ".
   * Em nossas VISITAS, procuramos levar a Paz?

- Isabel, iluminada pelo Espírito Santo, compreendeu os acontecimentos  
  e exclamou com toda alegria: "Bendita és tu entre as mulheres..."
  Lembra as Palavras dirigidas a duas mulheres fracas e desconhecidas,
  Judite e Jael, de quem Deus se serviu para libertar seu povo. (Jt 13,18; Jz 5,24)
  * Maria é o instrumento de Deus para concretizar a salvação dos homens...

- "Donde me vem a honra de que a mãe do meu Senhor me visite?"
   Lembra palavras de Davi ao receber a Arca da Aliança em Jerusalém...
   Maria é a nova Arca da aliança, que traz a presença salvadora do Senhor
   no meio do povo.
   Davi exultou com a presença da arca da aliança...
   Isabel exultou de alegria pela visita recebida...

    * Valorizamos as VISITAS recebidas? (ou toleramos?)
   O menino saltou de ALEGRIA no seio da mãe.  A presença de Jesus
   provoca a alegria nos que esperam a concretização das promessas de Deus
   e que vêem na chegada de Jesus a realização das promessas de um mundo
   de justiça, de amor, de paz e de felicidade para todos os homens.

- "Bem aventurada és tu porque acreditaste..."
  É a primeira bem-aventurança que se encontra no Evangelho...
  Maria é bem aventurada porque confiou na Palavra de Deus.
  Aceitou também as conseqüências de seu consentimento:
  aparecer grávida perante José e o público,
  sem poder explicar o fato e provavelmente sem ser acreditada...
  Daí a sua alegria em casa de Isabel, ao ver-se compreendida por alguém...
 * Nem sempre é fácil acreditar nas promessas do Senhor...
    Maria nos ensina que vale a pena confiar...

- Então Maria responde: "A minha alma enaltece o Senhor..."
É um Salmo de Ação de graças, porque Deus protege os humildes e os salva.
É um Salmo de Esperança e de Confiança, porque Deus se preocupa dos pobres.
Maria é um sinal do amor de Deus, preocupado em trazer a libertação a todos...
* Sabemos louvar e agradecer a Deus pelas maravilhas
   que Deus continua fazendo em nós?

- "Maria permaneceu... três meses... e voltou..."
  * Permanecemos o tempo apenas necessário com os amigos,
     sem perder tempo e sem fazer perder tempo?

+ MARIA NOS ENSINA TRÊS COISAS:

1. Levar JESUS no coração:
   Maria levou a Isabel o que tinha de mais precioso: JESUS.
   Tinha-o em seu seio e o sentia crescer cada dia.
   * Preparar-se para o Natal significa fazer nascer Jesus em nosso coração e
      manifestá-lo com o nosso amor, com o nosso sorriso, com a nossa alegria.

2. A ALEGRIA de encontrar os amigos:
    Quando Maria e Isabel se encontraram, sentiram uma grande alegria.
   * Quando Jesus vive em nós, também nós podemos sentir mesma alegria
      ao nos encontrar com os amigos.

3. A CARIDADE em primeiro lugar:
   Maria "foi às pressas" a Isabel para se colocar a seu serviço.
   * Nesses dias que nos separam do Natal, também nós podemos fazer
      com alegria pequenos serviços para as pessoas que convivem conosco.

Com Maria, chegaremos até Belém...

                                               Pe. Antônio Geraldo Dalla Costa - 23.12.2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...