sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Retiro de Setembro

RETIRO MENSAL-SETEMBRO 2016


         Praticar a justiça, amar a misericórdia e caminhar com Deus” ( cf. Mq 6,8)
 “

“Sede misericordioso como o vosso Pai é misericordioso” (Lc 6,36). É um programa de vida tão desafiador como rico de alegria e paz. O imperativo de Jesus é dirigido a quantos ouvem a sua voz (cf. Lc 6, 27). Portanto, para sermos capazes de misericórdia, devemos primeiro pôr-nos à escuta da Palavra de Deus. Isso significa recuperar o valor do silêncio, para meditar a Palavra que nos é dirigida. Deste modo, é possível contemplar a misericórdia de Deus e assumi-la como estilo de vida. (Papa Francisco – MV. n.13).

Motivação do Retiro: A Igreja do Brasil nos propõe o estudo do livro do Profeta Miqueias, indicado para o Mês da Bíblia de 2016, com o tema: “Para que n’Ele nossos povos tenham vida”, e como lema: “ Praticar a justiça, amar a misericórdia e caminhar com Deus” (Mq 6, 8).
O profeta Miqueias tem uma sensibilidade muito especial. Ele denuncia as injustiças que ferem o Projeto de Deus para seu Povo. Ao mesmo tempo, ele fala do agir misericordioso de Deus que perdoa, livra do castigo e salva da miséria. Seus escritos mostram que a prática da justiça não está dissociada da misericórdia. O apelo a amar a misericórdia é um modo terno de o profeta convidar à experiência de reconhecer a face compassiva de Deus. Para caminhar com Deus é preciso disposição para aprender com ele a se aproximar do ser humano caído, da pessoa marginalizada e excluída, da pessoa abandonada e desacreditada. Essa mensagem converge para a celebração do Jubileu extraordinário da Misericórdia.

Canto – Ao Espírito Santo (à escolha)

Motivação - Queridas Irmãs, Deus é misericórdia, por isso, somos todas chamadas a sermos misericordiosas. Onde existem cristãos, todas as pessoas deveriam encontrar um oásis de misericórdia, como deseja o Papa Francisco neste Ano Jubilar da Misericórdia.

Leitor 1 - Para sermos capazes de misericórdia, antes de tudo precisamos escutar a Palavra de Deus. Na Sagrada Escritura, vemos o agir de Deus para com seu povo: libertando-o do Egito, fazendo aliança no Sinai, acompanhando-o pelo deserto e educando-o para o amor e a fidelidade. Deus não se limita a afirmar o seu amor misericordioso, mas torna-o visível e palpável na Pessoa de Seu Filho, Jesus.

Leitor 2 - A palavra do Profeta Miqueias quer ser uma força que infunde coragem para olhar o futuro com esperança. Ele nos revela a grandeza do agir divino, no qual sua bondade prevalece sobre o castigo e a destruição: “Eu, contudo, estou cheio de força, do espírito do Senhor, de direito e de coragem, para denunciar a Jacó o seu crime e a Israel o seu pecado” (Mq 3, 8).

Canto – Misericordioso é Deus, sempre, sempre eu cantarei (3x)

Oração: Senhor, ajudai-nos a ouvir com solicitude a Vossa Palavra, através do profeta Miqueias: “Foi-te anunciado o que é bom, e o que Deus exige de ti; nada mais que praticar a justiça, amar a misericórdia e caminhar humildemente com teu Deus”. Amém!

Palavra do Papa Francisco: “Para a Igreja, a opção pelos pobres é mais uma categoria teológica que cultural, sociológica, política ou filosófica. Deus ‘manifesta a sua misericórdia, antes de mais’, a eles... Somos chamados a descobrir Cristo neles: não só a emprestar-lhes a nossa voz nas suas causas, mas também a ser seus amigos, a escutá-los, a compreendê-los e a acolher a misteriosa sabedoria que Deus nos quer comunicar através deles... Unicamente a partir desta proximidade real e cordial é que podemos acompanhá-los adequadamente no seu caminho de libertação” (EG. 198-199).

Palavra da Madre: “... existe o apostolado da Palavra de Deus, que nos oferece os mais variados meios para levar os pecadores a ouvi-la. Será que nós estamos exercendo o apostolado junto às pessoas a quem estamos obrigadas a ajudar?”

Sugestão de textos:
Mq 7, 8 - 20
Lc 4, 14 - 30
Lc 10, 25 - 37
 Sl 146
Antologia Espiritual, pág. 46, MgI p. 8-89



Bom Retiro!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...